#448: Todo Ar que Respiras – Judith McNaught

, em terça-feira, 17 de abril de 2018 , Nenhum coment�rio.
Editora: Bertrand Brasil 
Páginas: 490 
Ano: 2009 

Sinopse (Skoob): 
Dona de um restaurante em Chicago, Kate Donovan não poupa esforços para cumprir seus objetivos. 
Mitchell Wyatt é um empresário de personalidade indomável, herdeiro da expressiva fortuna da família Wyatt. 
Kate tentou resistir a Mitchell, mas foi em vão. A princípio, deram passagem à timidez, mas com o tempo se entregaram a um turbilhão de emoções novas e mágicas, diferente de todas as experiências que já haviam vivenciado.  O cenário da paixão arrebatadora é a ilha tropical de Anguila, território britânico no Mar do Caribe. Mas a plenitude da felicidade chega ao fim quando Mitchell é intimado por sua família a comparecer ao interrogatório sobre o desaparecimento de seu irmão. Insegura, Kate começa a desconfiar do que sabe a respeito de sua misteriosa paixão.  Numa história que dosa paixão, mistério, assassinato e psicologia em tom dinâmico e arrebatador, a mestre do romance, Judith McNaught, autora do best-seller Whitney, Meu Amor, instiga leitores do mundo inteiro a conhecer o desfecho dessa eletrizante relação de Kate e Mitchell e das inúmeras intrigas em que se envolvem. 


Mitchell Wyatt cresceu na Europa, estudando em internatos, sem nada saber sobre sua família de origem. Até que, já adulto, ele recebe a visita de seu irmão mais velho, William, que levou consigo a esposa e o filho para evitar ser enxotado. 
É assim que Mitchell passa a ter contato com os Wyatt de Chicago e descobre sobre o seu passado, sobre ser filho bastardo e o motivo de seu avô, Cecil, o patriarca dos Wyatt, tê-lo exilado ainda criança na Europa. 
Os dois não se dão bem, mas Mitchell passa a passar algum tempo a mais em Chicago por causa da tia-avó, da cunhada e do sobrinho, especialmente depois de seu irmão sumir misteriosamente. Porém ele gosta de "fugir" para Anguila, um lugar paradisíaco onde está construindo uma casa. 
É lá que Mitchell conhece Kate Donovan. 
Ela acaba de herdar o restaurante do pai e viajou para Anguila por ideia do namorado, para descansar depois do baque que foi perder seu pai e eles deviam aproveitar um tempo juntos, só que ele é advogado e precisou voltar para Chicago por causa de um caso muito importante, deixando Kate sozinha na ilha e deprimida. 
Assim, ela aproveita os dias fazendo nada, pensando na vida e em como cuidar de um restaurante – o que não é a formação dela, porém Kate cresceu no Donovans e não quer perder a última coisa que restou do pai – e dando alguns passeios. 
É após um almoço que ela conhece Mitchell. Depois de dar um banho nele com uma bebida sem querer, os dois combinam de jantar juntos de forma que Kate possa se redimir pelo acontecido, porém há uma atração imediata entre eles e isso esquentará as coisas. 
Mitchell e Kate não resistem um ao outro, porém o momento idílico em Anguila acaba e a vida entra no meio, assim como o namorado de Kate e o mistério do sumiço do irmão de Mitchell, e eles acabam se separando, pois os desentendimentos parecem não permitir que eles fiquem juntos. 

Vou dizer logo que esperava mais desse livro. 
Quando eu li a sinopse, achei que o mistério do sumiço do William ia ser mais bem explorado e ter um impacto maior na história, porém foi meio raso, apesar de tudo ser bem explicado. 
Durante a história há uma alusão a um possível mistério envolvendo a morte do pai da Kate, mas isso se perde e é como se não tivesse nem existido. 
O romance é bom, mas também não é nada espetacular. Eu gosto dos personagens e achei eles bem desenvolvidos, Kate tem fibra e dá para se encantar pelo Mitchell. 
Eu queria ter visto um pouco mais da tia-avó dele, ela é uma ótima personagem. 
Mas o que me deixou mais "nhé" foi a parte do mistério que eu, primeiro, descobri logo quem era o culpado e, segundo, queria ter visto um desenvolvimento melhor dessa parte. 
Resumindo, o livro é bom, eu aproveitei a leitura e curti o tempo que passei lendo ele, porém não é nada "uau". 

Aparentemente ele é parte de uma série, mas pelo que pesquisei dá para ler todos independentemente de ter lido os outros. No caso de Todo Ar que Respiras, pelo nome dos personagens, acho que ele só tem uma leve relação com os dois primeiros livros, pois os protagonistas são os melhores amigos do Mitchell. 

Série Paradise/Segundas Oportunidades: 
Em Busca do Paraíso 
Tudo por Amor 
Sussurros na Noite 
Someone to watch over me (não publicado no Brasil) 
Todo Ar que Respiras 
Someone like you (Can't take my eyes off of you) (não publicado no Brasil) 

Nota: 3,5/5.

Comentou? Preencha o formulário e participe do Top Comentarista de Abril.

Meus livros

, em sexta-feira, 13 de abril de 2018 , Nenhum coment�rio.
Continue lendo...

Resultado da Pesquisa

, em segunda-feira, 9 de abril de 2018 , Nenhum coment�rio.
Continue lendo...

Recebi esse mês #75: Março/18

, em sexta-feira, 6 de abril de 2018 , Nenhum coment�rio.
Continue lendo...

Top Comentarista: Abril/2018

, em quarta-feira, 4 de abril de 2018 , Nenhum coment�rio.
Continue lendo...

Furei as orelhas e fiquei paranóica!

, em terça-feira, 20 de março de 2018 , Nenhum coment�rio.
Continue lendo...

#447: Guia Oficial da IAN – Irmandade da Adaga Negra VI.5 - J.R. Ward

, em quarta-feira, 14 de março de 2018 , Nenhum coment�rio.
Continue lendo...