Em Cartaz #23: emoção, musical e animação

, em quarta-feira, 17 de janeiro de 2018 , Nenhum coment�rio.
Faz um tempinho que eu não falo sobre filmes, mas é porque eu não assisti tantos filmes assim no final do ano, porém os últimos três que eu vi no cinema vale a pena comentar, então vamos lá!

O primeiro foi a lindeza que eu estava esperando desde o dia em que saiu a notícia que o livro seria adaptado: Extraordinário!


Se você ainda não conhece a história do livro, eis AQUI a minha resenha.

Então! Sobre a adaptação: FICOU LINDA!
Tudo bem que eu sou bem suspeita para falar porque eu amo Extraordinário, mas se pensarmos bem, é por essa mesma razão que eu iria xingar o filme até a centésima geração do diretor e do roteirista caso eles não tivessem feito tudo direito, né!

Como tem a resenha do livro e a adaptação ficou muito fiel, não vou resumir a história (leiam a resenha, por favor ^^), vou me focar em dizer que os atores parece que foram escolhidos a dedo para cada papel!


Eu já achava o Jacob Tremblay, que interpretou o Auggie, incrível desde que assisti ele em O Quarto de Jack e ele foi o Auggie perfeito. Jacob é muito novinho, mas ele já trabalha muito bem, pois eu realmente enxerguei o August que eu imaginava nele.
Ok, a caracterização deu uma amenizada nas feições dele, pelo que eu imagino depois de ter pesquisado como são as pessoas com o problema do Auggie na vida real, mas nem tanto assim e é compreensível, afinal ele tem classificação livre para todos os públicos. Mas tirando isso, o Jacob É o Auggie.

E o que falar do resto do casting? Só coisas maravilhosas também!
Julia Roberts e Owen Wilson estão perfeitos como os pais do meu querido garoto extraordinário. A Izabela Vidovic, que faz a Via, irmã do Auggie, também estava bem como eu imaginei.
Assim como o Jack Will, a Summer e até o Jullian!
Sr. Buzanfa e Sr. Browne perfeitos também! (Eu tinha na minha cabeça que o Sr. Browne era um pouco mais velho, mas levei essa de boa porque não dá mesmo para saber a idade lendo o livro, que eu me lembre.)


Realmente não sei se teve alguma mudança significativa entre o livro e o filme, mas acredito que não ou eu teria notado...
E eu chorei. Acho que chorei um tanto mais lendo, mas chorei vendo também. E ouvi muitas, muitas fungadas na sala do cinema, que estava lotada. (Inclusive ouvi gente dizendo que nunca tinha pensado que ia chorar e lá estava toda lágrimas. rsrs)

Deixa eu parar de babar ovo para Extraordinário e seguir em frente.

O outro filme que eu vi foi o musical O Rei do Show, com o meu eterno Wolverine Hugh Jackman como protagonista.


Se você não suporta musicais, por favor, nem perca seu tempo assistindo, pois esse é no formato clássico deles.

Ele conta a história de P.T. Barnum, que desde criança sonhava com um mundo mágico e em casar com a filha de um rico homem de classe social mais alta que a dele. Depois de ficar órfão e viver nas ruas por um tempo, ele se estabelece com um emprego e enfim vai atrás de Charity, o grande amor de sua vida.
Os dois casam e constroem uma família. A situação não é a que Barnum sempre sonhou, de fartura e desejos sendo sempre realizados, porém eles são felizes juntos. Mas ele sonha com mais e sai do emprego para ir enfim em busca de seu sonho.
É aí que nasce o Museu de Curiosidades, onde ele mostra pessoas diferentes para a sociedade. Tem a Mulher Barbada, o Homem Pintado, o Anão e muitos outros. Porém o empreendimento fracassa e todos estão quase desistindo quando Barnum tem uma nova ideia e tudo que ele precisa para realizá-la é do pessoal e de uma grande tenda. Assim nasce um circo.

Não achei uma imagem do casting que a Zendaya aparecesse bem,
mas adoro a personagem dela. E o do Zac Efron.

O Circo e P.T. Barnum são reais. O musical é um projeto que Hugh Jackman queria realizar desde 2009.
Até que ponto a história é fiel à realidade eu não sei, mas sei que o circo existiu por muitos anos e fechou no ano passado, enquanto o filme ainda estava em produção.
Eu gostei bastante, me envolvi com os personagens e torci para tudo terminar bem. E a trilha sonora é maravilhosa. (Inclusive a música tema deve concorrer ao Oscar.) Como tem no Spotify, vou deixar o link AQUI.

E por último, nessa segunda fui com meu sobrinho assistir O Touro Ferdinando.


A animação conta a história de Ferdinando, um jovem bezerro, filho de um touro treinado para participar de touradas na Espanha. Ele vive na Casa Del Toro, com outros touros e bezerros destinados à mesma função, porém não faz amizade com nenhum dos outros, pois Ferdinando é diferente. Ele não gosta de brigar e ama flores.
Depois que seu pai vai para uma tourada e não volta mais, Ferdinando se sente ainda mais sozinho e foge da fazenda. Depois de uma jornada complicada, ele chega a um sítio onde um homem e sua filha cultivam flores.


Lá ele é acolhido e amado e se descobre ali. Com Nina e Paco, o cachorro da família, que insiste em negar que gosta de Ferdinando.
Porém ele se mete em problemas depois que cresce e fica gigantesco. Tem uma feira na cidade próxima ao sítio, Ferdinando sempre acompanhou os humanos até ela, mas devido ao seu tamanho, eles o deixam em casa, só que ele resolve ir sozinho e provoca uma comoção maior que ele, terminando preso e levado pela polícia para impedir ele de fazer mal às pessoas.
Assim, Ferdinando acaba de volta na Casa Del Toro e o seu pesadelo de infância volta: como fugir de ter que participar de touradas?

Expanda a imagem e foque na cara do coelhinho! *-*

O filme é bem divertido e fofo. Eu dei gargalhadas em alguns momentos ~ Luce é a melhor personagem! Muito sem noção! E tem o coelhinho! Eu amo o coelhinho! ~ e me emocionei em outros. Meu sobrinho também gostou muito.
Ah, também curti a trilha sonora, bem animada.

Vocês já assistiram algum dos três? Se não, aproveitem que todos ainda estão em cartaz por aí! Ou vejam depois! Indico todos três!

Comentou? Preencha o formulário e participe do Top Comentarista de Janeiro.

Dorama #05: White Christmas

, em quinta-feira, 11 de janeiro de 2018 , Nenhum coment�rio.
Continue lendo...

Top Comentarista: Janeiro/2018

, em quarta-feira, 10 de janeiro de 2018 , Nenhum coment�rio.
Continue lendo...

Feliz 2018!

, em quinta-feira, 4 de janeiro de 2018 , Nenhum coment�rio.
Continue lendo...

Recebi esse mês #72: Dezembro/17

, em quinta-feira, 28 de dezembro de 2017 , Nenhum coment�rio.
Continue lendo...

Tem mais Maurício Gomyde em 2018!

, em domingo, 17 de dezembro de 2017 , Nenhum coment�rio.
Continue lendo...

Dorama #04: Hwarang

, em sábado, 16 de dezembro de 2017 , Nenhum coment�rio.
Continue lendo...

Recebi esse mês #71: Novembro/17

, em quarta-feira, 6 de dezembro de 2017 , Nenhum coment�rio.
Continue lendo...

Top Comentarista: Dezembro/2017

, em segunda-feira, 4 de dezembro de 2017 , Nenhum coment�rio.
Continue lendo...

Sobre aniversários...

, em quarta-feira, 29 de novembro de 2017 , Nenhum coment�rio.
Continue lendo...